sábado, 12 de maio de 2018

Rio em tempos de guerra, vale a pena visitar?

A questão da segurança é fator primordial quando decidimos por um destino turístico. Queremos ter uma ideia se poderemos realmente desfrutar do local e como evitar situações desagradáveis. A segurança no Rio de Janeiro, talvez seja um dos temas mais discutidos no turismo e neste post você verá como um casal conseguiu desbravar o Rio de Janeiro e a Região dos Lagos durante oito dias usando transporte público.




Como chegar em Arraial do Cabo




  • carro: via Lagos e BR 101 ( trajeto com pedágio). Gasta-se umas 3 horas;
  • ônibus: empresa Auto Viação 1001 que também serve a Búzios e Cabo Frio. Há saídas da Rodoviária do Rio. Consulte horários e valores no site da empresa;
  • avião: vôos fretados.

Você pode alugar um carro nos aeroportos para se locomover entre os três destinos: Arraial, Cabo Frio e Búzios. Atenção que os preços de estacionamentos cobrados nesta região são bem altos!


Como chegar ao Centro do Rio de Janeiro saindo de Arraial do Cabo


O meio utilizado foi o ônibus da empresa Auto Viação e de lá seguimos para Barra da Tijuca usando transporte público.


Onde ficar no Rio de Janeiro


Utilizamos casa de amigos. Ficamos em São Pedro da Aldeia e exploramos a Região dos Lagos. Na capital, ficamos no condomínio Rio 2, Barra da Tijuca e a localização foi perfeita!

Confira ofertas de hospedagens no Rio de Janeiro nestes links:



  Medidas de segurança que adotamos durante a viagem ao Rio de Janeiro

  • evitamos sair a noite. Se necessário, usávamos o Uber;
  • tiramos os cartões de memória da máquina e do celular. Se o pior ocorresse, não perderíamos as fotos;
  • infelizmente encontramos pessoas que nos ensinavam errado ou tinham má vontade de explicar, então perguntávamos a várias pessoas sobre como chegar a um destino;
  • andamos simples e sem objetos de valor (até porque não temos, kkk);
  • se o local tinha um ambiente estranho, saíamos logo;
  • curtimos as praias do Rio e ficávamos atento aos nossos pertences quando estávamos na areia;
  • para fazer a trilha da Gávea contratamos um guia recomendado. Não recomendamos que se faça trilhas no Rio sozinho, contrate um guia qualificado;
  • no dia anterior a nossa chegada, houve um arrastão na Praia de Copacabana (infelizmente é comum), mas visitamos este local e não vimos anormalidade, mas também não passamos muito tempo ali;



O que visitar no Rio de Janeiro


Arraial do Cabo - Praia do Pontal do Atalaia, Praia do Forno, Prainha, Praia do Farol, Praia Grande, Mirante do Pontal de Atalaia, Mirante da Boa vista, Fenda de Nossa Senhora.



Mirante Pontal do Atalaia



Prainhas

Prainhas

olha a cor dessa água!!!

Prainhas


Um passeio de barco é indispensável! O que esta água tem de linda, tem de gelaaada. 

Cabo Frio - Praia do Forte, Praia do Foguete, Praia do Peró, Praia das Conchas, Forte de São Mateus, Museu de Arte Religiosa e Tradicional.



Orla de Cabo Frio




Búzios - Praia de Zé Gonçalves e Caravelas, Praia da Ferradura, Praia da Tartaruga, Praia de João Fernandes e Fernandinho, Praia de Geribá, Orla Brigitte Bardot, passeio de barco.
  
Orla Brigite Bardot




  


São Pedro da Aldeia

Lagoa Araruama



Centro do Rio de Janeiro - Praia de Ipanema, Praia de Copacabana, Confeitaria Colombo, Lagoa Rodrigo de Freitas, Arpoador, Forte de Copacabana, Museu do Amanhã, Jardim Botânico, Trilha da Pedra da Gávea.
 
                  

Jardim Botânico


Orquidário


Arpoador

Museu do Amanhã



Confeitaria Colombo

Praia de Copacabana

Como é a Trilha da Pedra da Gávea?



É bem puxada e requer um bom condicionamento físico. São 6 h de trilha (ida e volta). A ida é só subida e escalada e a descida pode ser necessário uso de rapel. Assim, recomendamos apenas que se faça com um guia experiente. Indicamos o guia Thiago ( 021 99325-5985).



Barra da Tijuca

nas nuvens ... rsrs


Tentamos ver o pôr do sol na Pedra Bonita e é importante estar atento ao seguinte:

- se for de Uber ou táxi, informe que quer descer exatamente na Pedra Bonita. Infelizmente, o Uber não nos deixou no estacionamento da Pedra Bonita e andamos por uns 800 mts até o local do pôr do sol;
- não há sinal de celular, assim se você não combinar com um Uber para ir te buscar, não há como chamar um táxi então você descerá sozinho e é arriscado;
- e no final das contas, não vimos o pôr do sol, pois estava muita neblina. Assim uma recomendação é se você quer ver o Rio do alto e/ou pôr do sol, vá apenas aos locais movimentados e/ou com guia.

Queríamos muito fazer o passeio de helicóptero, mas o tempo não colaborou. Não fomos ao Cristo Redentor pois o preço achamos caro e havia muita nuvem. O Bondinho do Pão de Açúcar estava fechado. Pelo visto a volta ao Rio está justificada, rsrs.

Viagem realizada em Abril/2018.


Resumo da ópera: o título do post poderia ser substituído por qualquer outra capital do Brasil, o que é vergonhoso, mas se você deseja conhecer estes lugares (assim como eu), este casal mostrou que é possível sim, e que o Rio continua belíssimo apesar da péssima administração que se instalou em nosso país.

Assista um vídeo curto da nossa viagem:



Siga o Vaneza com Z em:


O blog Vaneza com Z  não possui parceria/ convênio com uma das empresas/ serviços citados no texto.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...