quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Museu Náutico da Bahia

Um atrativo conhecido mundialmente e estrategicamente localizado que permite uma vista muito linda da baía de Todos os Santos principalmente ao pôr do sol. O Museu Náutico da Bahia pode não ser uma visita imperdível, mas proporciona uma vista inesquecível ao entardecer.

A multidão entorno do Forte da Barra

Vamos mergulhar na história das rotas marítimas, conhecer um pouco do forte de Santo Antônio da Barra, das embarcações e dos equipamentos náuticos.

Loja de artesanato no museu


Rotas marítimas feita pelos grandes navegadores portugueses


  • Cristóvão Colombo- o primeiro a chegar ás Américas, em Cuba. 
  • Vasco da Gama- o primeiro a chegar ás Índias contornando a África. 
  • Pedro Alvares Cabral- o primeiro a chegar ao Brasil 
  • Fernão de Magalhães - o segundo a passar pelo Brasil, cruzar o Estreito de Magalhães, seguir pelo Oceano Pacífico até Malaca. Após sua morte, assume a missão o navegador Sebastião del Cano. 




Mapa das rotas marítimas portuguesas


Vale ressaltar que os navegadores brasileiros não foram os primeiros a fazerem estas rotas. Navegadores de outros países haviam feito alguns dos trajetos citados acima. Graças ao museu compreendi essas rotas. 

Almirante Tamandaré

Joaquim Marques Lisboa recebeu o título de Almirante Tamandaré e se tornou o patrono da Marinha brasileira. Aprendemos que ele dedicou sua vida a serviço da marinha e defesa do país.

Barco do Recôncavo



Saveiro


Sala das embarcações do Museus Náutico


Aqui percebemos a diferença entre saveiros, jangadas e canoas. Detalhe: o saveiro é um produto baiano. Embora tenha influências europeias, o saveiro se adaptou ao jeito e a geografia da Bahia. Serviu para transporte das mercadorias do recôncavo Baiano até o porto de Salvador. Com o avanço tecnológico nos transportes náuticos, hoje é bem pouco utilizado.

Nau

Sala das miniaturas

Um trabalho habilidoso do miniaturista Maneca Brandão, da cidade de Itabuna, na Bahia, que apresenta a evolução da ciência náutica desde a chegada de Cabral e os diversos tipos de navios que foram utilizados em acontecimentos importantes do Brasil. 

Segue alguns exemplos de miniaturas:

Esquadra Cabral


  • Esquadra Cabral: saiu do Tejo, Lisboa, em 09 de Março de 1500 com 13 embarcações e chegou em Porto Seguro, na Bahia, em 22 de Abril de 1500 com 12. 

Corveta Bahiana

  • Corveta Bahiana: primeiro navio brasileiro a dobrar o Cabo de Horn passando pelo Chile, Bolívia e Peru, Pacífico e os Mares da Índia.

Encouraçado Minas Gerais


  • Encouraçado Minas Gerais: construído na Inglaterra em 1908. Participou dos bombardeios ao Forte de Copacabana no Rio de Janeiro e da proteção a Salvador durante a Segunda Guerra Mundial.

Achados arqueológicos submarinos na Baía de Todos os Santos


O fundo do mar revela muita história entre elas o naufrágio do Galeão Sacramento na Baía de Todos os Santos. São peças de porcelana, cerâmica e utensílios usados naquela época e que foram encontrados em águas baianas. 

Sala dos achados submarinos

Navios tumbeiros -Os escravos eram aprisionados em local de pouca ventilação com cerca de 70 cm a 1 mt² por pessoa.


Convés do navio negreiro


Instrumentos de precisão naval


Para tamanha ciência os navegantes se valiam de instrumentos que indicavam com precisão localização, velocidade e o tempo. 

Previsor de marés - - Primeiro previsor de marés da América do Sul, que funcionou até 1926.
Navisfera - instrumento usado para solução de problemas de navegação como: triângulo de posição e escolha do astro para o cálculo da reta de altura.

O museu esta localizado no primeiro forte do Brasil construído em 1534, Forte de Santo Antônio da Barra. Sua localização é estratégica, na esquina da baía, antigamente chamada de Ponta do Padrão. Este fato, proporciona uma vista belíssima para a Baía de Todos os Santos bem como da Avenida Oceânica e da Av. Sete de Setembro. 

Á esquerda Av. Sete de Setembro, á direita Av. Oceânica

Se você quer ver o pôr do sol com tranquilidade, entre no Museus. É possível subir o Farol, mas só até as 17h.

Espaço muito mais tranquilo

Vista para Baía de Todos os Santos



Museu Náutico da Bahia - Farol da Barra

Telefones – (071)3264 3296 / 3331 8039 
Funcionamento: De terça a domingo, das 08h30min às 19h (todos os dias em janeiro e julho). 
Valor: R$10 e R$5.




Confira estas ofertas de hospedagem em Salvador:


Booking.com

Siga o Vaneza com Z em:


O blog Vaneza com Z  não possui parceria/ convênio com uma das empresas/ serviços citados no texto.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...