INÍCIO Bahia Direitos e deveres do passageiro de ônibus

Direitos e deveres do passageiro de ônibus

Segundo o Ministério do Turismo o número de pessoas que usam ônibus para viajar cresceu 9% de 2013 para 2014. A preferência é por viagens curtas. E no final de ano por motivo de férias e festas muita gente utiliza este meio de transporte para visitar amigos e parentes e conhecer outros lugares. 

Mas, quais são os direitos e deveres dos passageiros e empresas? 
Para isso, a ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre) atualizou e lançou uma cartilha muito interessante que vou compartilhar algumas partes com você.
Bilhete 
Vale lembrar, que, caso a remarcação seja feita faltando menos de três horas para o início da viagem, o usuário poderá ter que pagar uma multa de até 20% do valor da tarifa.
Outra novidade é a exigência para que as empresas emitam bilhetes nominais. Essa medida permite que o usuário solicite a 2ª via do bilhete em caso de roubo ou extravio. Esta regra, no entanto, passa a valer a partir do dia 3 de janeiro de 2015.
Atrasos 
Se houver retardamento na partida, do ponto inicial ou de uma parada, de mais de uma hora, o passageiro pode optar, caso não queira aguardar a retomada da viagem, por:
I – Seguir viagem em outra transportadora que ofereça serviços equivalentes e para o mesmo destino;
II – Receber, imediatamente, o valor da passagem de volta caso desista de fazer a viagem.
Se o atraso na viagem ultrapassar três horas, por de defeito, falha ou outro motivo de responsabilidade da transportadora, esta deverá providenciar alimentação para todos os passageiros. E caso seja constatada a impossibilidade de continuação da viagem no mesmo dia, a prestadora deverá providenciar, também, hospedagem para os usuários.
Identificação 
Entre os documentos que podem ser utilizados por maiores de idade e adolescentes brasileiros em viagens nacionais estão: carteira de identidade (RG), carteira de trabalho, passaporte brasileiro, Carteira Nacional de Habilitação (CNH) com foto, entre outros.
Mas a maior inovação na regulamentação foi a possibilidade de o cidadão brasileiro utilizar para embarque, em viagens realizadas em território nacional, os documentos originais ou suas cópias autenticadas, mas somente se for possível a identificação do viajante. Também é permitido ao passageiro, brasileiro ou estrangeiro, apresentar boletim de ocorrência, emitido há menos de 30 (trinta) dias, em viagens dentro do território nacional, caso seu documento de identificação tenha sido roubado ou extraviado.
Gratuidade
Idosos, a partir dos 60 anos e com renda de até dois salários mínimos, têm dois assentos gratuitos reservados nos coletivos. Caso os lugares estejam preenchidos, podem adquirir bilhetes para os demais assentos com desconto mínimo de 50%.
Pessoas com necessidades especiais (física, mental, visual ou auditiva), comprovadamente carentes, também têm direito à gratuidade em dois assentos, mas devem apresentar a carteira do Passe Livre, fornecida pelo Ministério dos Transportes.
Crianças com até seis anos incompletos também devem ser transportadas gratuitamente, desde que viagem na mesma poltrona de seu responsável.
Vale lembrar que as gratuidades aos idosos e às pessoas com deficiência só são válidas para viagens em serviço convencional.
Bagagem 
Outro direito a que o passageiro de ônibus interestadual tem é o de receber indenização por dano ou extravio de bagagem. O usuário deve fazer a reclamação imediatamente após o término da viagem, por meio de formulário, diretamente ao motorista ou no guichê da transportadora. A empresa tem 30 dias para efetuar o pagamento.
Fretamento 
Apesar de não ser o transporte objeto da cartilha, é essencial que o usuário fique atento na hora de adquirir viagens turísticas em veículos fretados. Antes de contratar uma transportadora, é importante verificar se o veículo ou a empresa estão cadastrados na ANTT. Para isso, basta acessar este link e realizar a consulta utilizando a placa do veículo, CNPJ ou razão social da empresa. 

Um dos deveres do passageiro:


O passageiro que observar qualquer irregularidade pode fazer uma denúncia à Ouvidoria da ANTT pelo telefone 166, pelo e-mail ouvidoria@antt.gov.br, na aba Fale Conosco do site da Agência (www.antt.gov.br) ou pessoalmente, nos pontos de atendimento da ANTT.
Fonte: Site ANTT
A cartilha você pode baixar clicando aqui.
Portanto, fique atento e conheça seus direitos como passageiro para que sua viagem seja com segurança e qualidade.

Deixe seu comentário:

Por favor, comente!
Coloque seu nome

3,605FansLike
688SeguidoresSiga-me
568SeguidoresSiga-me
119InscritosInscreva-se

MAIS VISTOS

Praia das Neves em Ilha de Maré – venha conhecer!

A Praia das Neves em Ilha de Maré é uma boa opção para quem quer passar o dia numa praia com águas claríssima e...

Ilha dos Frades: não deixe de conhecer!

Este é um destino obrigatório para quem vem à Salvador e gosta de praia. A Ilha possui uma praia com bandeira azul, que é...

Dunas do Velho Chico, uma praia em Casa Nova Bahia

Dunas do Velho Chico fica na cidade de Casa Nova, região do Vale do Rio São Francisco, na Bahia. Anteriormente, a cidade de Casa...

Como chegar em Boipeba na Bahia: carro, ônibus, barco e avião

Boipeba é um dos paraísos baianos mais cobiçados do Brasil, mas muitos desistem de colocar no roteiro pois acham complicado o trajeto até lá....


ROTEIROS DE CARRO

Roteiro 5 dias Chapada Diamantina – Ibicoara e Lençóis

Se você quer fugir de aglomeração e desfrutar do melhor da Chapada Diamantina junto com sua família, então este roteiro de 5 dias Chapada...

O que fazer na Cidade Baixa de Salvador – restaurantes e pôr do sol

Uma região de Salvador que é abraçada pelas águas da Baía de Todos os Santos e forma a Península de Itapagipe, sem dúvida, nos...

Praia de Elafonisi na Ilha de Creta Grécia – como chegar e onde comer

Em suas pesquisas você talvez percebeu que a Ilha de Creta possui as praias mais lindas da Grécia. Assim, ficamos encantadas com a beleza...

Praia Balos (Balos Lagoon) na Ilha de Creta Grécia

No primeiro dia da nossa viagem na Ilha de Creta, conhecemos as praias ao sul da Ilha, ou seja, as praias de Plakiás. Neste...