Uma das coisas mais bacanas que fiz no Rio, foi caminhar da Lagoa Rodrigo de Freitas até o Arpoador para admirar o visual incrível desta cidade, passeando pela Praia de Ipanema e terminando o dia com o pôr do sol no Arpoador. Antes, confira o post do passeio de helicóptero que vale super a pena fazer mesmo que seja o trajeto mais curto.

Vista do Morro da Saudade (esquerda) e Morro da Catacumba. 

 A caminhada é bem tranquila e fácil. Comecei no heliponto da Lagoa e ao longo do trajeto fui observando as belezas do Rio de Janeiro. A foto abaixo tirei no passeio de helicóptero que fiz logo antes.

 A lagoa é chamada de “Coração do Rio” justamente por causa do seu formato. 
Dados interessantes da Lagoa Rodrigo de Freitas:
  • 2,4 milhões de metro quadrado de superfície;
  • duas ilhas a Piraquê e Caiçaras.
  • foi habitado por índios tamoios, depois virou engenho e depois o Real Horto Botânico, atual Jardim Botânico. 
  • nome da Lagoa foi dado por um oficial de cavalaria português Rodrigo de Freitas de Carvalho.

Hoje, é um espaço revitalizado e um grande complexo de lazer e gastronomia.



Aqui você encontra ciclistas, skatistas, patinadores, mães e filhos brincando a beça e rolando pela grama, gente nos barzinhos batendo papo e apreciando a vista maravilhosa, casais namorando, enfim um local democrático.

Sigo em direção a Ipanema, contornando a Lagoa e olhando um pouco para trás, percebo o Cristo láááá em cima no Corcovado.



Alugar uma bicicleta para dar uma volta na Lagoa não seria nada mal né? Mas fica para uma próxima …
estádio de Remo da Lagoa que fica perto do Clube de Regatas do Flamengo
escola de remo

Clube dos Caiçaras – Um clube voltado para atividades sociais e esportivas com origens nos anos de 1929.

Fiz uma paradinha para tomar uma água de coco e me informar como chegar na Praia de Ipanema. O vendedor disse que era bem pertinho. E seguindo suas orientações, passei pela Rua Garcia D’Avila e seguindo o fluxo cheguei aqui:

Praia de Ipanema- ao fundo Ilhas Cagarras
Chegar ao Arpoador não tem segredo, basta caminhar pela Praia de Ipanema sentido Copacabana e pronto. Encontrarás muitas pessoas na pedra do Arpoador esperando o momento mágico do pôr do sol!

Morro do Vidigal e Morro Dois Irmãos


É muita gente e se ouve vários idiomas. A praça do Arpoador ou Garota de Ipanema é bem policiada e a movimentação neste horário, lógico, é grande. Praticamente se disputa lugar. Porém todo tem o privilégio de ver o pôr do sol no Arpoador. É algo que considero imperdível de se fazer no Rio de Janeiro.


Hospedagem no Rio de Janeiro:

Abaixo o trajeto a pé:






Siga o Vaneza com Z em:
O blog Vaneza com Z  não possui parceria/ convênio com uma das empresas/ serviços citados no texto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *